O que é Orgonite?





 

 

 

 

 

 

 



 

Orgonite é uma nova classe de material composta de uma mistura de partículas metálicas, suspensas em um meio orgânico, combinados com cristais de quartzo ou outros minerais. Sua propriedade básica é atrair e converter energia etérica negativa em energia etérica saudável e equilibrada. Esta energia é denominada Orgônio.

Orgonites, (Também chamados de "geradores de Orgone") são poderosos harmonizadores de ambiente.

Você pode se beneficiar da sua aplicação para proteger você e sua família e para transformar lugares carregados com energias negativas, especialmente as eletromagnéticas, telúricas e psicoenergéticas em ambientes positivos e harmônicos.

Tem sido observado por pessoas sensíveis (psíquicos) que o Orgonite efetivamente absorve o Orgone Negativo enquanto gera Orgone Positivo, mas até ser construído um aparelho que observe e possa medir diretamente o Orgone eu não posso realmente provar que assim é. Para  mim é suficiente que funcione.

O Orgone está em todo o lado é energia vital, também chamado de Chi na medicina chinesa ou Prana no Hinduísmo. A expressão Orgônio foi criada pelo médico austríaco Dr. Wilhelm Reich, o qual dedicou parte de sua vida ao estudo e aplicações desta energia. O Orgônio já recebeu diversas denominações como energia etérica, energia astral, bioenergia, cor radiestésica, energia biomagnética, magnetismo animal, fluido vital, energia radiônica e muitos outros nomes.

Está na atmosfera, nos rios e no mar, na terra, nas plantas, animais e também nas pessoas.

O termo "orgonite" foi inventado em meados dos anos 90 em homenagem aos trabalhos do cientista Wilhelm Reich e a orgonomia. Ele foi o primeiro cientista a provar não só a existência do orgone/bioenergia mas também a capacidade de acumular esta energia com camadas alternadas de material orgânico e metálico. Os acumuladores de orgônio (energia vital) que Reich construía potencializavam a energia local, fosse ela boa (chamada POR) ou ruim (chamada DOR), enquanto que os geradores de orgônio em forma de orgonites transformam toda energia em positiva. Se ela vem positiva é mantida e se ela vem negativa é transformada em positiva.

Qualidades atribuídas ao orgonite:

É simples, fácil de fazer e trabalha continuamente;

Muda a energia negativa para energia positiva;

Diminui o efeito negativo da radiação eletromagnética emitida por computadores, TVs, aparelhos eletroeletrônicos em geral e celulares;

Intensifica e melhora a qualidade da meditação';

Purifica a atmosfera, energiza e limpa a água;

Ajuda as plantas a crescer melhor precisando de menos água;

Inspira comportamento agradável, equilibrado, alegre e feliz;

Melhora a qualidade do sono, frequentemente cura insônia e pesadelos crônicos;

Ajuda a despertar capacidades psíquicas inatas;

A Composição:

      Os orgonites modernos são produzidos de uma substância matriz composta de 3 componentes básicos: um orgânico (que atrai a energia), um metálico (que reflete) e no mínimo um cristal (que modula). O elemento orgânico geralmente usado é a resina, mas podem ser diversos outros materiais como o caramelo de açúcares, o mel, ceras naturais, lãs naturais, entre outros (porém a maioria destes materiais geralmente perdem o efeito depois de um uso prolongado, enquanto a resina provou ser o melhor componente por conservar a potência mesmo depois de muitos anos de uso). Os metais podem ser variados, costuma-se usar limalhas (partículas de metal), pó, fios, pregos, moedas. Enquanto Wilhelm Reich não usava alumínio, muitos outros pesquisadores já testaram este metal e relataram resultados positivos; Os quartzos usados geram o efeito "piezoeléctrico" (também usado ex. em relógios suíços, satélites etc.), função essencial para um Orgonite de alta potência.

O princípio básico da função do Orgonite está na matriz do material carbo-orgânico que atrai as energias adicionadas com metais que, quando incluídos, refletem a energia; Passando pelo campo ativo de cristais de quartzo é reorganizada e harmonizada. Adicionado de espirais de metal (em geral cobre) cria-se um vórtex positivo que direciona o fluxo da energia na direção desejada.

Os cristais curados na resina estão sob pressão porque a resina se contrai quando seca, o que cria um efeito conhecido como efeito "piezoelétrico". Em  outras  palavras, quando os cristais são pressionados desta forma, eles criam um campo de vibração forte ao redor e suas propriedades inerentes são amplificadas. Este é o mesmo efeito usado em relógios de quartzo suíços e vários aparelhos medicinais.

ELEMENTOS OPCIONAIS:

Embora estes ingredientes  sejam dispensáveis para o funcionamento do Orgonite, cada um pode contribuir significativamente na sua energia vibratória, além de direcionar sua energia benéfica para uma aplicação específica.

ESPIRAIS

Adicionando espirais (em geral de cobre, mas podem ser de outro metal condutivo)  o fluxo da energia pode ser direcionado de acordo com sua intenção. Espirais são comuns em orgonites de aplicação individual, especialmente como as da imagem acima (em inglês são chamadas de espiral sbb). Nesta foto vemos duas espirais, a primeira com a direção do fluxo de energia voltada para o observador (na espiral esquerda) e na imagem direita o sentido contrário (espiral direita).

PEDRAS DE PODER

O uso terapêutico dos cristais, pedras comuns e "semipreciosas” é chamado de cristaloterapia. De cada pedra/cristal tira-se um proveito específico, mas no geral, quando bem manipulados, todos abrem os canais intuitivos, fortalecem, harmonizam e trazem amor para a vida de quem os utiliza. A integração destas pedras na fabricação de orgonites é uma prática que soma a maravilhosa energia vital dos cristais, aos benefícios que já conhecemos.

PLANTAS MEDICINAIS

Recentemente surgiu, análogo ao uso das pedras de poder, a adição de plantas medicinais, quer seja em forma natural, como essência ou floral, com a intenção de acrescentar à função natural dos orgonites, uma energia vibratória sutil que transportam as plantas. Os primeiros resultados foram promissores e pode-se esperar por mais estudos neste sentido.

SÍMBOLOS SAGRADOS:

Desde a antiguidade até os dias atuais, o uso de simbolismos que transportam verdades profundas e eternas, vai muito além do que a palavra humana consegue descrever. Usando alguns desses símbolos em orgonite, cria-se um jeito poderoso de impregnar estes com uma intenção pura e direcionada.

INTENÇÃO PURA:

Desde as descobertas impressionantes do cientista japonês Dr. Masuro Emoto, sabemos com certeza o que já afirmavam todas as grandes mentes do nosso planeta: Os nossos pensamentos, nossas emoções e intenções influenciam o mundo material ao nosso redor! Aplicando este aprendizado na fabricação dos Orgonites, acreditamos estar triplicando seu real potencial.